Arquivo da tag: Eu Planejei

Eu Planejei…

Baby 3 (150 p)-01limpo

Eu planejei a gravidez!

Planejei quando parar de tomar anticoncepcional;
Planejei como viver meus dias de grávida;
Planejei minha licença maternidade;
Planejei como queria o parto;
Planejei vir pra casa com meu filho 2 dias depois que nascesse;
Planejei amamentar (no mínimo, do mínimo, do mínimo) até os 6 meses;
Planejei que ele dormiria no nosso quarto até os 3 meses;
Planejei não ter estrias (é verdade!);
Planejei emagrecer rápido depois do parto;
Enfim… Planejei, planejei e planejei!

Mas da minha vasta lista de planos, poucos tópicos saíram conforme foram planejados.
Entre várias coisas…
Eu não ganhei meu filho de parto;
EU não trouxe ele pra casa 2 dias depois que nasceu, pois ficou na UTI;
Eu não amamentei até os 6 meses, pois com 4 e meio ele não quis mais o seio;
Ele não dormiu no nosso quarto até os 3 meses, mas sim até os 8…
Eu fiz tudo o que esteve a meu alcance e mesmo assim fiquei com estrias;
Eu eliminei o peso total que ganhei na gestação 9 meses após o nascimento do Gael;
Ao longo do tempo percebi que as coisas são assim mesmo!
Ás vezes as coisas saem do nosso controle, às vezes as coisas não dependem da nossa vontade nem do nosso querer, e às vezes temos que tomar decisões diferentes do que queríamos em prol de um bem maior!
O importante é termos sabedoria para mudar o que planejamos quando necessário, o importante é dar certo, o importante é o bem estar de nossos filhos.
Mas e os nossos planos? Bom, eles foram feitos antes do filho nascer, e antes de eles nascerem tudo é fácil, tudo é lindo, tudo flui… Mas depois acabamos vendo que a realidade pode ser bem diferente!

Não conseguiu amamentar? ok, vamos dar formula então! Fazer o que, deixar o bebe sem mamar é que não dá né!?

Não se sente segura para colocar o bebê no quarto dele? ok, deixe no seu então! As noites podem ser menos cansativas se você não estiver com essa preocupação a mais!

Não existe fórmula certa para criar os filhos, o que é bom para o meu nem sempre vai ser bom para o teu e assim por diante.

Eu creio que o instinto de mãe é a melhor coisa que existe, e se eu pudesse dar um conselho às ‘recém-mães’ seria esse: confie no seu instinto! Ele sabe tudo e ele não vai ‘te deixar na mão’. Seu instinto avisa quando terá que mudar o plano, ele te guia pelo melhor caminho, ele sabe fazer tudo dar certo… e pode crer, sempre dá certo 😉

camila vidal

 

 

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: